GELO, REFRESCANTE ou HORRIPILANTE?


Pesquisadores da Inglaterra identificaram que existem mais bactérias no gelo do que nos sanitários em redes de fast-food de Londres. Um grupo de cientistas resolveu comparar a quantidade de bactérias encontradas no gelo produzido por máquinas para as bebidas nestas grandes lojas e comparou com aquelas encontradas nos banheiros de cada estabelecimento. O resultado impressionou porque a quantidade de organismos encontradas nas máquinas de gelo era muito maior!

Para se ter uma ideia, enquanto na água dos vasos sanitários foram encontrados em alguns casos apenas um organismo na amostra, no gelo foram mais de 1000! Os pesquisadores informaram que apesar da diferença considerável, não há motivo para preocupação ainda para esta contaminação, porque o número de bactérias se encontra no limite proposto pelos órgãos de vigilância sanitária.

Segundo eles, o resultado se deve ao fato de que as pessoas tem mais consciência em manter os sanitários limpos do que outros lugares. O descuido com outros lugares do ambiente destas lanchonetes é o que levou a um resultado tão impressionante.

Além disso, outro fator constatado é que além da contaminação por fatores ambientais, também foram feitos testes com os funcionários que manipulam estas máquinas e servem as bebidas. Muitos deles foram reprovados quanto a higienização e com certeza foram os causadores da contaminação. Os analistas ainda completaram dizendo que ao contrário do senso comum, certas bactérias resistem às baixas temperaturas, por exemplo a Escherichia coli, que pode ficar inativa e voltar com suas funções vitais quando a temperatura se restabelece.

Diariamente, no nosso cocô, eliminamos esta bactéria, já que elas vivem em nosso intestino. O problema é quando elas alcançam outros órgãos. E. coli causa intoxicação alimentar, diarreia, vômito e até meningite bacteriana. Para combater alguma infecção causada por estas bactérias é preciso tomar antibióticos.

Fiquem ligados, essa noticia pode aparecer em uma questão que fale sobre intoxicação alimentar e Reino Monera.

Fonte: Daily Mail e www.biologiatotal.com.br


Nenhum comentário



Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Blue Captcha Image
Atualizar

*

Quem Somos

Somos um grupo, preocupados com a disseminação das melhores informações que possam vir a contribuir no seu cotidiano, bem como auxiliar na resolução de dúvidas e ou problemas que possam surgir em assuntos diversos, e ainda suprir a ânsia pelo conhecimento!

Leia Mais